Udesporto - Jornal desportivo online com blog e análise de jogos

Liga NOS Aug 18, 2019 Daniel Sousa

Ivo Vieira: ''Fizemos um jogo de grande nível, os jogadores trabalharam e lutaram até à exaustão''

O Vitória SC cedeu um empate ao cair do pano frente ao Boavista (1-1). Na sala de imprensa do Estádio D. Afonso Henriques, Ivo Vieira fez a análise à exibição vitoriana.

"Fizemos um jogo de grande nível, os jogadores trabalharam e lutaram até à exaustão. De forma merecida estávamos em vantagem e procurámos aumentá-la. Estamos em risco quando procuramos a baliza adversária, mas quero isso. Criámos mais oportunidades, mas só conseguimos fazer um, acabámos por sofrer um golo aos 94 minutos e dá empate. Temos de aceitar naquilo que foram os golos", começou por dizer.

"As pessoas que gosta de futebol viram o comportamento da equipa. O Vitória habituou a fazer resultados com um grande número de golos. Hoje criou situações para fazer quatro ou cinco golos, apenas a bola não entrou. Foi exatamente igual em termos de procura da baliza, jogar no último terço. Os jogadores tiveram um comportamento fabuloso, levaram a ideia para o jogo, apenas só conseguimos meter a bola na baliza uma vez", acrescentou.

O timoneiro dos vimaranenses realizou apenas uma substituição durante o encontro e justificou essa opção na conferência de imprensa: "É uma conversa que se especula há muitos anos, como se os treinadores fossem obrigados a fazer as três substituições. A equipa estava bem, a procurar o golo, e quando o comportamento é bom não há razão para alterar. Às vezes altera-se para perder tempo, mas não tenho esse hábito. Podia meter mais um central para defender, mas não entendo que o futebol seja assim. No lance aos 94, a minha vontade era entrar em campo, provavelmente atacava aquela bola contra seis ou sete homens de forma convicta e ganhava. Naquele momento tínhamos de ser ainda mais competentes a interpretar aquele lance, que era uma das estratégias do Boavista para chegar à nossa baliza".