Udesporto - Jornal desportivo online com blog e análise de jogos

UEFA Europa League Nov 06, 2019 Daniel Sousa

Vitória SC 1-1 Arsenal: Atrevimento vimaranense merecia melhor resultado

Depois de ter visto a vitória escapar por entre os dedos no Emirates Stadium, o Vitória SC procurava esta quarta-feira acertar as contas com o Arsenal. Numa tarde chuvosa que levou, ainda assim, mais de 17 mil espetadores ao Estádio D. Afonso Henriques, os vitorianos empataram a uma bola, num jogo onde mereciam melhor sorte.

A equipa orientada por Ivo Vieira entrou de olhos postos na baliza de Damian Martínez. Com intensidade e com muita objetividade, mas sem descurar a qualidade e a segurança na posse de bola, a equipa da casa foi ditando os ritmos da primeira parte. Os ingleses, num sistema de três defesas centrais, pareciam pouco preocupados com a falta de aproximações à baliza de Douglas, que foi mero espetador. O intervalo chegou com o nulo no marcador, ainda que tenham existido alguns lances que deixaram os adeptos vitorianos de mãos na cabeça e prontos para festejar.

O jogo mudou de figura na segunda parte. Os gunners assumiram mais a posse de bola e o Vitória foi perdendo gás nas saídas para o ataque, mantendo apenas a espada afiada na hora de defender o castelo (a baliza de Douglas, leia-se). O guardião brasileiro continuou apenas a ver jogar, mas ainda assim foi o primeiro a ser batido. Ao minuto 80, na sequência de um livre lateral cobrado por Pépé, a defesa vimaranense falhou e Mustafi aproveitou o espaço para cabecear para o 0-1. 

A equipa da casa não desistiu e foi em busca do empate. Ligada à corrente e empurrada pelo público, a equipa vitoriana acreditou e foi feliz ao minuto 90+1. Marcus Edwards arrancou pela direita, cruzou para a área e, depois de uma palmada de Damian Martínez, Rochinha colocou de cabeça para o remate de bicicleta de Bruno Duarte, que fez o empate. Ainda com quatro minutos de compensação por jogar, a equipa portuguesa continuou à procura da reviravolta e esteve a centímetros de o conseguir, mas o poste da baliza londrina negou o golo.

O Vitória SC foi superior durante a maior parte do tempo e a superioridade valeu o primeiro ponto na fase de grupos. Contudo, o atrevimento vimaranense merecia melhor resultado.